quarta-feira, 14 de julho de 2010

Goiás X Vasco, 8ª rodada.

Boa noite amigos!

Um já foi, faltam quatro jogos para a “equipe ideal”

E o primeiro resultado foi bom, trouxemos um pontinho de Goiás contra a boa equipe da casa.

O jogo foi muito, muito ruim de assistir mas lá vai:

 

Entramos no 4-4-2 com Prass, Fagner,Dedé e Titi, Ernani, Rômulo, Carioca, Nilton e Jéferson, Jonathan e Nunes.

Aos 13” Ernani era o melhor em campo pelo Vasco, que já não criava qualquer jogada em seu meio-campo e não conhecia as laterais do ataque. A partir dos 16” o Vasco já tinha agüentado a pressão inicial do Goiás e passava a dominar a bola.

Aos 18” Fagner faz boa jogada pela ponta mas erra o último toque, a bola volta para ele , que prefere virar o jogo para Ernani, que acabou saindo contundido aos 21”.

Com 25” o Vasco continuava mais com a bola, mas não criava qualquer oportunidade de gol, quando Nílton arrisca um chute de longe e manda a bola na África do Sul. Olha a Jabulaaaaaani!

Aos 28” a defesa cochila e Everton Silva entra na cara de Fernando Prass, que de olhos abertos apara o remate. No contra-ataque, Fagner aplica belo drible no marcador, mas acaba chutando fora.

Aos 32” Nunes num contra-ataque dá belo passe para Nílton, que mais uma vez botou o gandula pra trabalhar lá no Soccer City na África.

Aos 33” Nilton ao tentar emendar um chute de primeira, que sobrou na área acaba acertando o Homem Invisível, que felizmente passa bem.

Aos 34” ele de novo cobra uma falta patética. Jabulaaaaaani!

A essa altura, Nunes era o melhor do Vasco se apresentando muito apesar de ser sua primeira partida, levando perigo ao Goiás.

Aos 38” Prass, de novo, salva a lavoura. Dessa vez o número 4 do Goiás entrou livre pela direita, a zaga pensou ter feito uma linha de impedimento, e fingiu que ia chutar, Prass caiu mais ainda salvou quando aí sim, o jogador Goiano chutou. Sensacional!

Aos 42” Rafael Carioca tenta sair da marcação de três e perde a bola, no desenrolar da jogada Goiás leva perigo e ele fica com a orelha pegando fogo de tanto que Prass deve ter falado dele.

O Vasco terminou o primeiro tempo de maneira até surpreendente, com a bola nos pés, apesar da situação, não se conteve em esperar o Goiás atrás.

Na volta do segundo tempo, Allan rendeu o incolor, insípido e inodoro Jéferson. Fica CLARO que esse rapaz sabe jogar bola, mas nunca poderia ser escalado para ser o responsável pela criação no meio do Vasco, simplesmente ele não têm a técnica ou a velocidade para isso.

 

E o Goiás em menos de um minutos já mostrava o que seria o segundo tempo: Goiás atacando e o Vasco se salvando atrás.

Logo aos 7” Titi comete pênalti no BOM jogador Bernardo do Goiás. O juiz Vuadem apesar de ter tido boa atuação no jogo, não deu esse.

Se no primeiro tempo Nunes jogava bem, no segundo errou todos os passes que deu até os 13”.

A partir dos 14” a pressão do Goiás diminuiu e o Vasco, mais uma vez, tentou valorizar a posse e cozinhar o jogo, até que aos 20” em uma falha de marcação da zaga, Everton Santos recebe em boa condição e acaba chutando para fora.

Aos 21” Nilton dá um passe ESPETACULAR para Jonathan dentro da área, pelo alto, este recebe e se atrapalha todo ao tentar limpar o goleiro Calaça, desperdiçando.

Aos 28” em nova falha individual da zaga, Dedé bota a cabeça na bola mas não impede que ela chegue à cabeça de Everton Silva, que abusou de perder gols neste jogo. Mais um.

Aí o Vasco já havia se perdido em campo de novo.

Aos 30” Nunes serve Jonathan no ataque, este fica cara-a-cara com Calaça e tira do goleiro em um toque rasteiro. Tira tanto que tirou do gol também.

O Vasco já abdicava de atacar, limitando-se ao contra-ataque.

Aos 35”, Rômulo que fazia boa partida, desarma Everton dentro da área quando este armava o chute, limpo, na bola, linda roubada.

Aos 40” PC bota Granja no lugar de Fagner que jogava de camisa de manga só na direita.

Aos 42” Allan faz boa jogada pela linha de fundo cruza, mas a zaga afasta.

Aos 44”, Dedé outra vez tentou entregar o ouro, ao cortar cruzamento pela esquerda, acerta a bola de lado e ela sobe e acerta o travessão, na sobra, Bernardo acerta Fernando Prass

Fim de papo.

 

E fiquemos felizes pelo pontinho, porque era para o Goiás ter feito dois gols pelo menos.

 

Na minha opinião, eu não entendo como o Léo Gago ( Nome de craque) não começou jogando, ou pelo menos entrou no segundo tempo. Faltava opções de ataque para o Vasco, mas pelo menos este chuta muito de fora e seria uma arma útil num jogo que não se criava chances de gol.

Jonathan não dá. Pelo menos no time titular, não. Volta pros juniores  e treina mais.

 

FICHA TÉCNICA

GOIAS 0 x 0 VASCO

Local: estádio Serra Dourada, em Goiânia

Árbitro: Leandro Vuaden (RS)

Cartões Amarelos: Titi e Nilton (Vasco) Ernando (Goiás)

GOIÁS: Rodrigo Calaça, Carlos Alberto (Douglas), Ernando, Valmir Lucas e Wellington Saci; Amaral, Wellington Monteiro, Jonilson e Hugo (Romerito, depois Otacílio Neto); Bernardo e Everton Santos. Técnico: Emerson Leão.

VASCO: Fernando Prass, Fagner (Elder Granja), Dedé, Titi e Ernani (Carlinhos); Rafael Carioca, Nilton, Rômulo e Jefferson (Allan); Nunes e Jonathan. Técnico: PC Gusmão.

Fonte: GloboEsporte.com (texto, vídeo), Globo Online (ficha)

8 comentários:

Fabinho disse...

Salvamos uma derrota, mais 1 pontinho na conta e dessa vez o Prass fechou!

Chega logo Agosto!

abraço

Léo disse...

Gabriel:

Um 0 a 0 é sempre muito chato, até quando se cria várias oporetunidades numa partida, o que não foi o caso neste jogo.

Gostei muito da atuação do F.Prass, pois ultimamente, ele não estava passando segurança.

Resta-nos agora ganhar em casa, ainda mais do Atlético Paranaense, que não está bem. A posição do Vasco na tabela me incomoda.

Não sou lá muito fã de comentaristas esportivos, mas o Falcão falou uma coisinha importantíssima, mais ou menos assim:

" Não há como se arrumar desculpas pela má atuação, pois foram 10 dias de folga e 30 de treino, o Vasco tem que mostrar serviço e já. "

Abraços, uma ótima quinta-feira a todos e, nem bem dará tempo para respirar, pois, depois de amanhã, nosso Vascão já estará em campo novamente.

Ruy disse...

SE pensarmos no pênalti não marcado , na lambança do Dedé e na muralha que foi o Prass, foi um bom resultado. Chega logo Agosto !

Aqui na Colina temos que beliscar os 3 pontinhos....


Abraços

Carla Lia disse...

Olá amigos, esse pontinho realmente caiu do céu.

Leo, gostei do destaque das palavras do Falcão, fiquei impressionada com a falta de criação do nosso meio de campo.

Uma pena o lance desperdiçado pelo Jonathan.

Verdade Gabriel, Fernando Prass salvou a nossa lavoura.

Abraços e um bom dia a todos

Zé Julio disse...

Apesar de não ter sido nenhum jogo maravilhoso para o nosso lado, já deu para se ver o Vasco com cara de time faltando apenas acertar detalhes no meio de campo e principalmente pelas laterais. O PC já começa a dar resultados.

É Gabriel, vamos ficar nessa contagem regressiva para o time ideal.

Valeu Prass, eu disse que ele tinha créditos de sobra.

Abraços

Gabriel disse...

Eu peço licensa para discordar do Falcão.
Para mim, jogo é jogo e treino é treino.

Acho que a carga fisica, técnica e claro, psicológica dos dois é bem diferente.

Ontem, deu para ver todos bem FISICAMENTE... Ok, mas Titi por exemplo estava notadamente com a perna pesada, como ele mesmo acabou dizendo depois da partida.

Lima disse...

Que agosto não seja o mês do desgosto. Acho que a famosa luz lá no fim do túnel, voltou a piscar.

E o Dedé, ontem ele sentiu saudades dos trapalhões... não foi Caio?

abs

kiko disse...

Valeu MANFREDI, obrigadão

PLANTÃO: Jadson "DO PANDEIRO" Vieira acerta com o Vasco e chega ao Rio nesta sexta

O Vasco acertou a contratação do zagueiro Jadson Vieira, do Lanús, da Argentina. O jogador, de 28 anos, chegará ao Rio de Janeiro nesta sexta-feira para fazer exames médicos e assinar o contrato. Os valores investidos no defensor e o tempo de contrato não foram divulgados pela diretoria.

Jadson Vieira se destacou no Danubio, do Uruguai, onde foi bicampeão uruguaio. O jogador nasceu em Santana do Livramento, no Rio Grande do Sul, mas nunca atuou no futebol brasileiro. O anúncio oficial da contratação, porém, deverá ser feito até terça-feira.

Além de Jadson Vieira, a diretoria vascaína quer acertar a contratação de mais um zagueiro para compor o elenco para a sequência do Campeonato Brasileiro.

Fonte: GloboEsporte.com/Netvasco

==

Vamos lá Vascão...

Saravasco