domingo, 24 de agosto de 2008

Vasco 1 x 1 Botafogo - 22a rodada - Campeonato Brasileiro

Alo, Almirantes...

Como o Almirante Vinícius bem anunciou, estou de volta... Minhas férias foram bem produtivas e espero, aos poucos, colocar algumas fotos interessantes aqui no blog.



Vou comentar as muitas coisas que aconteceram com o Vasco aqui aos poucos durante minha ausência. De fato, algumas coisas me preocuparam, como por exemplo, as derrotas consecutivas e a passagem pela zona de rebaixamento. O que me preocupou mais foi a chegada de Tita ao comando do Vasco. Ele é um técnico com pouca experiência em equipes grandes e achei que não fosse dar certo, ainda mais assumindo o clube num momento de pressão.



Até então, ele está queimando minha língua. Tem feito um trabalho bom e, analisando por essa partida, arrumou o Vasco defensivamente. Acho até que ele deixou o Vasco defensivo demais mas, em contrapartida, ele conseguiu armar um esquema de contra-ataque eficiente. Tem outra: pela primeira vez o clube ficou duas partidas seguidas sem tomar gol. Um feito inédito neste Brasileiro.






VASCO 1 x 1 BOTAFOGO


Já entrando na partida deste domingo, o empate não foi ruim pela circunstância que foi. Primeiro pelo fato de o Botafogo vir de uma seqüência de várias vitórias seguidas, depois que o empate foi conquistado no fim da partida. No fim das contas, um pontinho saiu de bom tamanho.


Claro que, no geral, foi um empate ruim porque foi um jogo em casa que o Vasco perdeu pontos. Para fugir do rebaixamento, não é bom. Ao menos, a moral do time não foi abalada porque bem ou mal, a atuação em campo não foi tão ruim.


Apesar de boa parte do jogo ser no território da defesa vascaína, o sistema defensivo cruzmaltino não permitia que o Botafogo criasse nada de extraordinário. Pelo contrário, acho que o Vasco, nos contra-ataques, teve mais perto do gol que o adversário.


No segundo tempo que o Vasco meio que se perdeu, ficou nervoso e acabou tomando o gol. Mas Tita foi ousado o suficiente para colocar o Madson no lugar do Mateus e, com isso, mudar a cara do jogo. Quem passou a atacar foi o Vasco e o Botafogo que assustava no contra-ataque.


O maior problema foi que o time de São Januário errava passes demais e não conseguia chegar ao gol de Castillo. Quando chegou, Alan Kardec e Edmundo perderam duas ótimas chances. Mas, ainda bem que Madson conseguiu acertar o cruzamento aos 44 do segundo tempo e Rodrigo Antonio desviou para as redes. Deixou o resultado mais justo.


Individualmente, destaco Alex Teixeira, o capeta em forma de guri. Desde a saída de Morais (notícia que me deixou bem feliz), o garoto foi incubido de ser o homem do meio de campo vascaíno e tem dado conta do recado. Além dele, Edmundo teve bom aproveitamento individual e Madson mudou a cara da equipe.



FICHA TÉCNICA



VASCO 1 X 1 BOTAFOGO


Estádio: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 24/8/2008 - 18h10 (de Brasília)
Árbitro: Djalma José Beltrami Teixeira (Fifa-RJ)
Auxiliares: Ediney Guerreiro Mascarenhas (RJ) e Cláudio José de Oliveira Soares (RJ)
Renda/público: R$ 591.550,00 / 35.619 pagantes
Cartões amarelos: Edmundo, Jonílson, Eduardo Luiz e Madson (VAS); Triguinho (BOT)


GOLS: Wellington Paulista, 8'/2ºT (1-0); Rodrigo Antônio, 44'/2ºT (1-1)



VASCO: Roberto, Wagner Diniz (Madson, 15'/2ºT), Eduardo Luiz, Jorge Luiz e Edu (Serginho, 41'/1ºT); Jonílson, Rodrigo Antônio, Mateus (Marquinho, 15'/2ºT) e Alex Teixeira; Edmundo e Alan Kardec.
Técnico: Tita.



BOTAFOGO: Castillo, Thiaguinho, Renato Silva, Andre Luis e Triguinho; Diguinho, Túlio, Lucio Flavio e Carlos Alberto; Gil (Zé Carlos, 17'/2ºT) e Wellington Paulista (Fábio, 26'/2ºT) (Lucas Silva, 35'/2ºT).
Técnico: Ney Franco.

CARTOLA FC
LIGA ALMIRANTE CUP

Como o mercado estava sendo atualizado quando coloquei esse comentário, colocarei o resultado da rodada no comentário desta segunda-feira. To voltando de férias, tem muita coisa para comentar... ehehehe

É isso, galera... To voltando agora, fica meio difícil até de comentar alguma coisa nas navegadas... A única coisa que deve ser celebrada é o aniversário de 110 anos do Vasco. Apesar da fase, parabéns a todos nós, vascaínos!

Amanhã tem mais... Forte abraços a todos e é bom revê-los!!!

18 comentários:

leo disse...

É isso aí Almirante:

Todos estávamos preocupadíssimos com o nosso destino que já parecia certo. Tita? claro que não, queríamos o Cuca. Ainda bem, só de mudar o técnico já mudou TUDO.

As 02 vitórias seguidas no brasileirão foram de vital importância para nosso Vascão sair do sufoco e nos dar um certo alento.

No jogo de ontem, como sempre acontece com os técnicos que estão bem, não entendi porque nosso Tita barrou o Mádson. O cara é novo, está cheio de gás, nossa MAIOR esperança e foi barrado? Se até o animal está se sacrificando, após ficar no banco contra a Portuguesa, porque não, então, entrar com o Mádson e depois substituí-lo no segundo tempo?

Resultado: O Vasco só melhorou com a entrada do pequenino, que levou o terceiro amarelo e, agora sim, irá descansar uns longos dias...

É isso aí gente. Mesmo que percamos para o Grêmio no domingo(resultado propvável), ainda assim, estaremos fora da zona da degola e poderemos arrumar a casa na sequência, com 02 jogos em nossos domínios.

Abraços.

Empate com sabor de vitória.

Era Eu-rico? Foi-se tarde.

Fabinho disse...

Bom regresso Dennis.....

É amigos, ontem eu achei que o Tita deu mole na escalação e na substituição e a torcida não perdoa, logo saiu o grito de BURRO! Não acho que foi um bom dia para poupar o Madson, nosso novo baixinho e, nosso gol saiu dos pés dele.

Foi sim um empate com gosto de vitória.

abraços

Manfredi disse...

Acabou sendo mais um bom resultado, com um gol no final do jogo onde já estava considerando o jogo como perdido. Acho que o Tita poderia ter sido mais ousado. Se tivéssemos jogado mais dentro da área do botafogo, teríamos ganho esse jogo.


Boa semana e bom retorno Dennis

Abraços

felipe disse...

bem vindo de volta dennis!!

tambem destaco a atuação do Teixeira, principalmente até o Edu se machucar, depois ele caiu um pouco. Ele e o Edu estavam fazendo uma boa dupla ali pela esquerda!!
não gostei das alterações feita pelo tita, o serginho e o marcus vinicius são muito fracos!!

Manfredi disse...

Acabou sendo um jogo lucrativo. Jogamos recuados e conseguimos o empate e de tabela impedimos a vice-liderança do foguinho.

Ontem o Tita pipocou.

Saudações

Paulo da Cancela disse...

Também juro que não entendi poupar o Madson logo num clássico regional, sei lá o que se passou na cabeça do Tita. Talvez ele tenha pensado em dar mais velocidade ao nosso time quando o botafogo já estivesse cansado.

Também gostei da atuação do Alex Teixeira.

É isso aí Dennis, bom retorno.

Saudações

Carla Lia disse...

Férias é sempre muito bom né Dennis!? Agora é ralar e torcer muito pelo nosso time, que ontem já voltou a nos dar um susto.

Eu não entendi a substituição do Wagner Diniz pelo Marquinhos e, a nossa torcida deu a reposta na hora chamando o Tita de burro. Acho muito cedo para vaiar o Tita, nesse momento as vaias não vão ajudar em nada!

Eu também concordo que podíamos sim jogar com uma postura mais ofensiva não deixando o meio de campo do botafogo criar tantas jogadas. Acho que o Roberto falhou no gol do botafogo!

Uma boa semana a todos e vamos agora aguardar o Grêmio, que será uma parada dura!

Saudações

Kiko disse...

É Carla poderíamos ter entrado –na hora das substituições- com o Madson e o Jean- talvez o resultado fosse outro.

Plantão do Eu concordo com o Animal:

Edmundo reclama da postura do time: 'A gente se acovardou'
O atacante Edmundo não comemorou o empate do Vasco com o Botafogo em 1 a 1, neste domingo, no Maracanã. A equipe da Colina conseguiu o gol de igualdade no placar apenas em uma bola parada no fim do segundo tempo. O atleta criticou a atuação da partida no clássico diante do rival.

- Bom é, mas merecido não. A gente se acovardou, jogou sem vontade, mas é um resultado que dá moral para o restante da competição - diz Edmundo.

Na próxima rodada, contra o Grêmio, no Olímpico, pela quarta rodada do returno do Campeonato Brasileiro, Edmundo está fora do confronto por ter levado o terceiro cartão amarelo.

Fonte: GloboEsporte.com/NetVasco
==

Abraços

Ruy disse...

Amigos logo contra o Grêmio não teremos Jonilson, Madson e o Animal. Será pedreira esse jogo. Poupamos o Madson e ele não vai jogar, agora terá tempo de sobra para o descanso. Na verdade, anda rolando um papo de que o Madson só não jogou como titular em função de uma cláusula em seu contrato que garante um aumento salarial caso ele jogasse 10 jogos consecutivos como titular. Se isso for verdade nota zero para a atual diretoria.


E a novela Pedrinho ,morreu de vez?


Saudações

Kiko disse...

Ruy e amigos, vejam só o plantão da "cláusula do neném"

Apoiador começou o clássico com Botafogo no banco e gerou dúvidas

A não escalação de Madson como titular no jogo deste domingo, entre Vasco e Botafogo, no Maracanã, foi justificada pelo técnico Tita como uma forma de poupar o apoiador, que vinha de uma seqüência de nove jogos seguidos no time titular. Depois de uma informação que no contrato de Madson existiria uma cláusula em que o jogador receberia aumento caso completasse dez jogos consecutivos como titular, o vice de futebol do clube, Manuel Fontes, o Neca, explicou a situação.

- Essa questão dos dez jogos não está valendo. Todas a correções do atual contrato do Madson já foram cumpridas. Isso será feito agora, em um outro tipo de negociação. Vamos sentar para conversar e propor um sistema progressivo de salários - contou ao LANCENET!

Como o contrato de Madson termina no fim deste ano, a idéia da diretoria é a de tentar prorrogar o contrato do atleta. Além dele, Leandro Amaral, Jonílson, Jean, Eduardo Luiz, Jorge Luiz, Edu, Rodrigo Antônio, Wagner Diniz e Roberto tem contrato até dezembro.

Valmir, Abubakar e Victor estão emprestados e terão seus vínculos encerrados no fim de 2008

FONTE: LANCENET/Blogo Vasco Oficial

==

É, acho que a diretoria deu uma volta do neném....

Saudações

Liso disse...

Um abraço pra você também Dennis e que esse seu retorno traga bons fluidos para o nosso Vasco!

Será que deram uma volta no nosso neném?

Saudações

Kiko disse...

Plantão do nosso novo baixinho O NENÉM - A cláusula:

Vice jurídico do Vasco, Luiz Américo, garante aumento do jogador

Depois de muita confusão sobre a situação de Madson, barrado no jogo com o Botafogo, no último domingo, parece que o imbróglio será resolvido. Como consta no contrato do apoiador uma cláusula em que ele teria um aumento salarial caso completasse dez partidas como titular, o atleta será recompensado.

- Ele vai receber aumento sim. Estava previsto no contrato, não tem problema nenhum. O salário dele vai praticamente dobrar - disse o vice-presidente jurídico do Vasco, Luiz Américo, ao LANCENET!

A confusão começou já que Madson ficou fora do clássico. O técnico Tita declarou que optou por começar com o jogador no banco pois ele deveria ser poupado. Mas uma cláusula no contrato de Madson gerou polêmica.

Se completasse dez partidas como titular, o jogador teria um aumento salarial. Com nove jogos disputos no time principal, Madson não começou o clássico, o que causou estranheza. O aumento acontecerá a partir de setembro.

FONTE: LANCENET/Blogo Vasco Oficial
++

Muito estranho essa escalação de ontem. O neném poupado!!!!!

Saravasco

Stephanie Sarmiento disse...

Olá,

Estou entrando em contato novamente para tratar da Parceria Comercial mencionada via e-mail em 12/08/08.
Continuamos interessados no site.

Aguardo um retorno para iniciarmos a negociação.

Grata e à disposição,
Stephanie Sarmiento
------------------------------
smarques@hotwords.com.br
www.hotwords.com.br
------------------------------
Phone: 11 3178 2514

Ivan disse...

Tenho uma visão interessante sobre esse jogo. Não foi a escalação ideal e nem a tática que gostaria de ter visto em campo num jogo contra nosso rival. No entanto, acho que o nosso time realizou bem a proposta do técnico se mantendo muito bem postado em campo. Para mim é um avanço, fruto de bom treinamento. Repito, não era o que eu gostaria de ter visto em campo.

Abraços

kIKO disse...

PLANTÃO DOS BONS TEMPOS:

HÁ 10 ANOS, O VASCO ERA CAMPEÃO DA LIBERTADORES DA AMÉRICA

Neste dia 26 de agosto completam-se 10 anos do maior título conquistado pelo Vasco na segunda metade do século XX: a Taça Libertadores da América.



Abraços

Caio disse...

Concordo Ivan, também é minha opinião. Não era o que a maioria queria, mas fizeram bem o recomendado!
Agora é a vez do Grêmio e acho que iremos jogar com a mesma tática, só que desfalcados.
É Kiko lá se vão 10 anos, que saudades!
Saudações

zeca disse...

A única explicação para o Madson não ter iniciado a partida só pode ser a tal cláusula contratual, não vejo nenhuma outra explicação razoável. Nunca percebi o nosso neném dar sinais de cansaço a cada partida.
A verdade é que o resultado acabou sendo muito bom para o Vasco.

Que festa fizemos aqui em casa há 10 anos atrás.

Saudações

Gilberto disse...

Ó...PAÍ...Í...Ó

Ôxente meus reys! O baixinho Madson é baiano é? Se não, cumo é que o cabra tá boiado? Ô Tita, deixe de pilha!!!

Axé e Saravasco